quarta-feira, 26 de agosto de 2020

Giovanna Antonelli surpreende com revelação sobre dança em O Clone

 Giovanna Antonelli compartilha clique e impressiona pela beleza - Jetss

Giovanna Antonelli foi a convidada desta terça-feira (26) do Conversa com Bial, da Globo. Aos 44 anos, a atriz lembrou que já deu vida à mocinhas, vilãs, personagens sedutoras, megeras, bandidas, guerreiras e até Virgem Maria.

No entanto, uma figura foi bem marcante na sua vida: Jade, de O Clone (2001). A artista, então, revelou que odeia dançar, mas teve que aprender e encarar o desafio para fazer o papel, pois “era a maior oportunidade de sua vida”.

“Eu odeio dançar, tenho pavor. Se quer me deixar louca é fazer eu dançar. Eu fico nervosa, suo no sovaco”, desabafou a famosa, após assistir a cenas da novela.

“Eu não podia contar para ninguém que eu não gostava de dançar porque era a maior oportunidade da minha vida”, acrescentou Giovanna Antonelli.

A famosa ainda lembrou: “Eu falava para mim mesma: ‘enquanto eu não dançar essa dança do ventre igual, ou melhor, do que a minha professora [eu não paro]”.Antonelli garantiu que ensaiava mais de dez horas por dia nos estúdios Globo, mas também em sua casa. “Eu gravava o ensaio em uma fita cassete e depois ficava assistindo para corrigir os erros”, confessou ela.

“Coloquei toda a minha energia para aprender aquilo e depois que relaxei, que vi que já estava dominando bem a técnica da dança, fui para a dança dos sete véus, para a dança da cobra e para a da espada. Eu ficava lá obsessivamente até aprender a equilibrar a espada”, revelou.