sexta-feira, 5 de junho de 2020

Tiago Iorc explica sumiço e período longe dos palcos: 'Me vi sem amor pelo que estava fazendo'

Tiago Iorc retorna ao palco em São Paulo com dobradinha de shows

Tiago Iorc explica sumiço e período longe dos palcos: 'Me vi sem amor pelo que estava fazendo'

Após quase 2 anos afastado dos palcos, Tiago Iorc encerrou o período sabático e participou do programa ‘Encontro com Fátima’ nesta quinta-feira (04). Durante o bate-papo, o cantor explicou a decisão de ficar longe dos holofotes.

“Eu vinha de uma frequência muito intensa de shows, de tudo que a vida pública e exposição exige. Chegou um momento que me vi sem amor pelo que estava fazendo. Senti que estava precisando me reconectar com as coisas que faziam sentido na minha vida. Foi importante”.

Ele ainda contou que aproveitou o momento para se reconectar: “Foi importante estar perto da minha família, estar perto de simplicidade, para resgatar e ter mais para oferecer no momento que eu voltei”.

Sobre aprendizado nesse período, Iorc contou: “O principal entendimento foi que é preciso ter respiro. Independente do quão bom parece alguma coisa. É preciso ter espaço para que a gente possa contemplar as coisas. Eu senti que essa foi a grande recuperação nesse período. Eu me dei esse espaço para recuperar o amor pelo o que eu amo fazer, que é música e estar presente na vida das pessoas”.

Agora em um isolamento forçado devido à pandemia do novo coronavírus, o músico comentou o momento atual. “A diferença principal é que o primeiro momento foi uma escolha. Nesse momento, estamos todos juntos, vivendo essa imposição. Mas é peculiar, porque esse movimento de querer estar mais junto das pessoas, nasce justamento no momento em que isso está muito necessário. Felizmente, a gente tem a possibilidade de tecnologia para nos aproximar de qualquer forma”.

Em seu retorno, Iorc lançou a música “Você Pra Sempre em Mim”, que foi composta quando ele tinha 17 anos. Ele explicou por que demorou a compartilhar a canção com o público.

“Teve algum sentimento ali daquele Tiago de 17 anos. Essa música foi inspirada por um romance de verão que vivi quando fui para a praia com amigos. Conheci uma moça, me encantei e comecei a escrever música. Essa foi a primeira que escrevi na vida. Tem um sentimento de puro de celebração do amor e leveza de querer o bem”.

POR JETSS